Foto de André Gonçalves | T10 Fotografia

No próximo domingo, 24 de junho, a Orquestra Filarmônica de Valinhos fará mais um concerto no Teatro Multiuso da Câmara Municipal de Valinhos. Sob a regência da maestrina Renata Ortiz de Villate, a OFV reapresentará na cidade o concerto que apresentou no último dia 10 no Auditório Cláudio Santoro, em Campos do Jordão.

O concerto, que terá início às 11h, trará uma seleção de músicas que fazem parte do repertório popular de seus países de origem, mas que são frequentemente executadas pelas grandes orquestras do mundo. O Presidente da Filarmônica, Jerci Maccari, ressalta que  “é curioso pensar que muitas dessas músicas que ouvimos nos concertos de música erudita, em certa época já foram tocadas em festas populares. Quais dessas músicas que escutamos hoje nas rádios serão tocadas como eruditas daqui a 50, 100 anos?”

Esta será a primeira vez que Renata regerá a OFV em Valinhos, cidade na qual mora há dois anos. Ela, que é nascida em Campos do Jordão, foi acolhida pela Filarmônica assim que chegou na cidade, e atualmente faz parte de seu naipe de violoncelos. Com formação em regência, Renata fez sua estreia à frente da orquestra em sua cidade natal, em uma das casas de espetáculos mais importantes do país.

-publicidade-

Mas o repertório executado não será exatamente o mesmo. Em Valinhos, o grande destaque ficará por conta da participação do Trio Images, formado pelos músicos Cecilia Guida (violino), Henrique Muller (viola) e Yuri Pingo (piano), que apresentará junto à orquestra as ‘Estações Portenhas’, do argentino Astor Piazzolla, com arranjos especialmente preparados por Ricardo Guida, e orquestrações de Allan Dantas (Primavera) e Henrique Ferreira Silva (Outono).

Sobre a maestrina

A maestrina e violoncelista Renata Cristina Ortiz de Villate é natural de Campos do Jordao, tendo iniciado seus estudos no instrumento precocemente, tendo se formada no  Conservatório de Música Maestro Fego Camargo de Taubaté, e em Licenciatura em Música na Universidade Metropolitana de Santos. Estudou Regência Orquestral com os Maestros Enaldo de Oliveira, Jean Reis e Wendell Kettle, participando da Classe de Regência Orquestral no festival de Música nas Montanhas em Poços de Caldas (2004 e 2014), Festival Internacional Cello Encounter no Rio de Janeiro (2006, 2007, 2008 e 2010), e Festival de Inverno Campos do Jordao (como ouvinte na Classe de Regência Orquestral – 2013).

Já teve sob sua batuta renomados solistas nacionais e internacionais tais como o violoncelista americano Lars Hoefs, o violinista Daniel Guedes, o violinista Paulo Paschoal, entre outros. Em novembro de 2015 viajou a Trujillo – Peru como Regente convidada pela Secretaria da Educação do citado país para reger a Orquestra Sinfônica do Festival no “IV Encontro Internacional de Orquestras Sinfônicas 2015”. Idealizou e fundou a Orquestra Filarmônica Jovem de Campos do Jordão, e atualmente é maestrina da Orquestra Pro – Cultura de Vinhedo/SP e da Orquestra Jovem do Colégio Visconde de Porto Seguro – Valinhos/SP

Sobre o Trio Images

O Trio Images , foi fundado em 1999 pelos músicos e professores de formação européia e concertistas premiados Cecília Guida(violino) e Henrique Muller (viola), e recebe em sua formação atual pianistas convidados.  A sua singular formação, repertório, técnica, sonoridade e afinidade musical têm levado o Trio a realizar inúmeros concertos no Brasil e exterior, como na Armênia, Geórgia, Rússia, Argentina etc, intercambiando composições brasileiras com as dos países em que se encontraram. Com várias estreias de obras inovadoras e algumas dedicadas ao Trio (Cláudio Santoro, Villani-Côrtes, Marlos Nobre, etc), foi eleito grupo  “Revelação” em 2002 pela Revista Concerto, recebendo no mesmo ano, a Condecoração de Honra do Governo Armênio, pela sua inestimável divulgação pelo mundo da música armênia. Em 2009, completando 10 anos de atividades,o Trio Images recebeu o Diploma da Cultura e a Medalha de Ouro da Cultura pelo Ministério da Cultura da Armênia. Foi considerado o” Melhor Conjunto de Câmara de 2006” pela APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) e em 2008 recebeu da mesma entidade o “Grande Prêmio da Crítica “.

Cecília Guida, violinista, é professora renomada e solista internacional premiada. Foi Spalla de várias orquestras brasileiras e europeias, diplomando-se com nota máxima pela Universidade de Köln, e aperfeiçoando-se no Conservatório Superior de Genebra, Suíça. Estudou com grandes mestres como Lyerco Spiller, Yehudi Menuhin, Berta Volmer, Max Rostal e Corrado Romano.

Henrique Muller, violista, é professor e bacharel renomado além de concertista premiado Foi chefe de naipe das violas de diversas orquestras brasileiras e europeias tendo estudado com grandes mestres (Corrado Romano, André Vauquet, Doris Roussiaud ) como bolsista do Conservatório Superior de Genebra, Suíça. Aluno de Cláudio Santoro, foi durante 15 anos maestro da Orquestra Sinfônica Jovem Municipal de S.Paulo.

Yuri Pingo, pianista, começou seus estudos musicais no piano aos cinco anos de idade. Seus professores foram Izilda Marcandalli, Edda Fiore, Marizilda Hein, André Rangel e Marisa Lacorte, esta responsável pela maior parte de sua formação, sendo que posteriormente veio a ser seu assistente. É Bacharel em piano pela UNESP e Mestre em performance pela PPGM-UFRGS. Atua em diversos festivais como pianista,camerista e professor.

Serviço

Orquestra Filarmônica de Valinhos – Concerto Especial ‘Trilhas da Vida’
Regente convidada: Renata Ortiz de Villate
Grupo convidado: Trio Images
Local: Teatro Multiuso da Câmara Municipal de Valinhos – Rua Ângelo Schiavinatto, 59, Valinhos/SP
Data e horário: 24 de junho, domingo, às 11h
Ingressos: R$ 30 (inteira) e R$ 15,00 (meia ou antecipado)
As vendas antecipadas estão sendo feitas através do site www.filarmonicadevalinhos.com.br, ou na loja Foto Parodi, na Rua Treze de Maio, 147, Centro, Valinhos/SP
Repertório:
Abertura Willian Tell (final) – G. Rossini
Estações Portenhas – A. Piazzolla
Danças Húngaras nº 5 e 6 – J. Brahms
Marinera San Miguel de Piura
Danzon nº 2 – A. Márquez
Extratos da suíte Carmen – G. Bizet

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome