Henrique Conti aponta riscos na urbanização da Serra dos Cocais

0
Vereador do PV promove debate sobre a preservação da região no dia 7 de dezembro
Henrique Conti é o vereador que tem se destacado nas questões que envolvem o meio ambiente de Valinhos. É de sua autoria a Lei 3840/2004 que criou a APA – Área de Preservação Ambiental da Serra dos Cocais.
Com a notícia de que o governo do prefeito Orestes Previtale (PMDB) segue no mesmo caminho dos seus antecessores com o objetivo de impedir o tombamento da Serra dos Cocais, o Pé de Figo procurou o vereador Conti para saber o que ele pensa a respeito.
Prefeitura tenta minimizar os atributos da Serra dos Cocais
O vereador salienta que o que se sabe é que a Secretaria do Meio Ambiente de Valinhos levou  ao Condephaat – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico a apresentação de um relatório e publicou em power point uma versão resumida dos trabalhos desenvolvidos pela empresa contratada para fazer uma análise técnica do tombamento da Serra dos Cocais.
Ao Pé de Figo o vereador Conti adiantou que  já irá  pedir na sessão  da Câmara, na  próxima terça-feira (5), o relatório completo e detalhado que tem 160 páginas.
Segundo Conti, pelo resumo publicado, é possível ver alguns pontos positivos, tais como a necessidade de regulamentação da lei da APA da Serra dos Cocais e a criação de área de proteção de mananciais, medidas que deverão constar no novo Plano Diretor do  Município.
Considera negativo o posicionamento da equipe técnica desfavorável ao tombamento da Serra dos Cocais. “Para isso eles tentam no relatório minimizar os atributos da Serra, ou seja, falam que as cavernas são falsas cavernas, dizem que os refúgios de caatinga não existem e falam que os matacões (Matacão, ou penedo, chamado popularmente de rochedo, é uma grande massa de rocha saliente em encostas, constituída pelo afloramento de rocha nua)  não são exclusividade da Serra dos Cocais. Quanto aos prefeitos, desde que sou vereador, nunca vi um prefeito favorável à preservação da Serra dos Cocais. Durante todos estes anos, só vi duas ações pontuais favoráveis de prefeitos. Uma foi do Vitório em 2004 quando promulgou a minha lei que criou a APA da Serra dos Cocais sem vetos. A outra foi este relatório contratado pelo Orestes que pela primeira vez se posiciona favorável à regulamentação da APA da Serra dos Cocais”, afirma o vereador Conti.

“Vejo somente prejuízos se a Serra dos Cocais for urbanizada. O primeiro é a diminuição do volume de água disponível para a cidade, pois lá nascem 45% da água que consumimos e a urbanização vai prejudicar as nascentes.” (Henrique Conti)

Fonte Sônia e a ocupação da Serra dos Cocais

Segundo o vereador, a preservação da Fonte Sônia estaria garantida com o tombamento da Serra dos Cocais, pois ela está inserida na área proposta para ser protegida.
Henrique Conti é o único vereador de Valinhos que, até o momento, tornou pública a sua posição contrária ao loteamento da Fonte Sônia.
“Vejo somente prejuízos se a Serra dos Cocais  for urbanizada. O primeiro é a diminuição do volume de água disponível para a cidade pois lá nascem 45% da água que consumimos e a urbanização vai prejudicar as nascentes. O outro é o patrimônio natural que corre risco, as cavernas, matacões, área de biodiversidade elevada pois é área de transição de três biomas, mata atlântica, cerrado e caatinga. Aumento das enchentes e perda da oportunidade de Valinhos ter uma área de lazer-turismo-gastronomia como ocorre hoje na APA de Sousas-Joaquim Egidio.”, conclui.
Câmara fará debate sobre a preservação da Serra dos Cocais no dia 7 de dezembro
Por iniciativa do vereador Henrique Conti, a Câmara de Valinhos promove um debate sobre a regulamentação da APA da Serra dos Cocais na próxima 5a feira, 7/12, às 19 horas. O evento é aberto ao público.
Confira mais detalhes sobre a região no vídeo abaixo:

 

 




Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome