UBS da Vila Santana, que fica no térreo, não sofreu dados e funciona normalmente

 O escritório administrativo da Vigilância Sanitária de Valinhos foi atacado por vândalos, na madrugada de terça-feira (21). Uma sala teve os equipamentos destruídos, como também as cadeiras da sala de espera. Mas as instalações da Unidade Básica de Saúde (UBS) da Vila Santana não foram atingidas – a UBS fica no térreo da Vigilância. O atendimento foi suspenso por algumas horas pela manhã, devido à presença da perícia. No período da tarde, funcionou normalmente.

De acordo com a Guarda Civil Municipal, as imagens das câmaras de segurança mostram que três homens entraram com um galão de combustível e atearam fogo nas instalações. Eles estavam encapuzados e arrombaram a porta de entrada dos funcionários. Agora, os investigadores tentam encontrar os vândalos.

-publicidade-

O escritório da vigilância passará por obras, mas os responsáveis garantem que nada afetará o trabalho do dia a dia da unidade. A Secretaria de Obras da Prefeitura já começou a atuar na área.

O atendimento da UBS não sofrerá qualquer tipo de interferência pelo trabalho no primeiro andar. Nessa terça-feira, o atendimento prioritário, como o cuidado com uma gestante, foi realizado pela manhã. Apenas as consultas de rotina e vacinação foram interrompidas. Os pacientes tiveram as suas visitas remarcadas.

Por determinação do prefeito Orestes Previtale uma viatura da Guarda Municipal ficará estacionada na UBS e só deixará o local no caso de uma emergência em outro ponto da cidade.

 Fonte: PMV

  

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome