Tarifas de água e esgoto sobem 6,29% a partir de 1º de setembro

0

DAEV anuncia início do tratamento de esgoto no São Bento

O Boletim Municipal publicou nesta 6a feira (28) o Decreto 9552, assinado pelo Prefeito Orestes Previtale (PMDB), que reajusta em 6,29% os valores do sistema tributário do DAEV – Departamento de Água e Esgoto de Valinhos em todas as faixas de categorias de consumo.

O reajuste dos valores das Tarifas de Água e Esgoto e dos Preços dos Demais Serviços do DAEV segue determinação da ARES-PCJ – Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí para quem Valinhos transferiu e delegou, em 2011, o exercício das atividades e funções de regulação e fiscalização dos serviços públicos de saneamento básico.

A justificativa para a fixação dos novos valores é “a necessidade de manutenção do equilíbrio econômico-financeiro entre os custos de operação da autarquia e sua receita, a fim de que os serviços prestados, essenciais à coletividade, não sofram solução de continuidade e perda de qualidade.”

Os novos valores atingem não só o consumo de água e o tratamento de esgoto, como também os serviços de ligação, religação e outros procedimentos da rede.

A tarifa mínima, por exemplo,  para ligação à rede de água passa a ser de R$ 420,44 e, para a rede de esgoto, R$ 477,86.

Início do tratamento de esgoto no São Bento 
Nesta semana, o Departamento de Águas e Esgotos de Valinhos (DAEV) anunciou a liberação da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB) para iniciar o tratamento de esgoto na região do Jardim São Bento do Recreio.
A Autarquia investiu R$ 938 mil para a construção da estrutura que permite o tratamento preliminar. A Estação conseguirá tratar 2,7 litros por segundo em média, o que beneficiará 1.925 moradores de 480 residências na cidade.
A ETE foi inaugurada em setembro de 2016, no governo de Clayton Machado (PSDB), mas não tinha Licença de Operação exigida pela Cetesb. Desde janeiro deste ano, o corpo técnico do DAEV fez os ajustes necessários dos equipamentos.
 “O início de operação dessa estação é muito significativa para o DAEV, para os moradores e para a proteção do meio ambiente. Mas nada disso seria possível sem a ajuda da nossa equipe. A marca deste governo é investir na melhoria da qualidade de vida”, disse o presidente do DAEV, Pedro Inácio Medeiros, presidente do DAEV.
Fonte: DAEV PMV




Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome