Tomás Cajueiro e Genivaldo Amorim (Foto: Fabio Cerqueira)

A cada semana novos personagens nas imagens do “Retratos Valinhenses”

O que o Pé de Figo e o “Retratos Valinhenses” têm em comum? A busca constante das particularidades da nossa cidade: sua gente, sua cultura, sua história.

Neste encontro de objetivos, iniciamos agora uma parceria com a qual seguiremos na tarefa cotidiana de tentar retratar quem somos nós, os que aqui nasceram e aqueles que para cá vieram.

Depois do grande sucesso do projeto “Retratos Brasileiros” ao percorrer inúmeras cidades do estado de São Paulo, é natural que o trabalho do fotógrafo valinhense, Tomás Cajueiro, resultasse no “Retratos Valinhenses”.

O Pé de Figo, por sua vez, durante os seus cinco anos de existência, não fez outra coisa a não ser retratar, através da informação e interação, o trabalho, as alegrias e angústias da população de nossa cidade.

No entanto, esta parceria só se completará se contar com a participação direta dos nossos leitores e seguidores. Comente, divulgue, mande sugestões.

Clique aqui para acessar:

 




Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome