Visão geral do avanço da urbanização da proposta de revisão do Plano Diretor (Ilustração: AEAAV)

Segundo a Associação de Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Valinhos, se aprovada a proposta do Plano Diretor do jeito que o Executivo Municipal pretende, a área urbanizável toma quase todo o município.

Os engenheiros, arquitetos e agrônomos de Valinhos, através de sua entidade representativa, manifestam preocupação quanto ao encaminhamento da revisão do Plano Diretor nos termos da proposta constante da “Minuta de Lei do Plano Diretor Municipal e Minuta de Lei de Uso e Ocupação do Solo”, apresentada pelo governo do Prefeito Orestes Previtale (DEM).

De acordo com a AEAAV, “a proposta de Revisão do Plano Diretor não traduz, nem social nem tecnicamente, os anseios da classe técnica e da sociedade valinhense em seu objetivo, que seria oferecer qualidade de vida para todos, crescer de maneira equilibrada, com definições prévias acerca das prioridades do município e das destinações de uso de seu território.”

Em seu boletim informativo, edição referente a julho/agosto de 2020, a entidade afirma que “tecnicamente temos sérias restrições à proposta, já disponibilizadas em nossas mídias sociais, e encaminhadas ao Executivo”.

1 Comentário

  1. A falta da água associada à expansão urbana proposta pelo PD inviabiliza qualquer gestão sustentável numnproximo governo. Este PD, como está sendo apresentado, sem a avaliação técnica adequada, deveria sim é ficar engavetado.

Deixe uma resposta para Jean Jacques Gallon Filgo Cancelar comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome