A Campanha de Vacinação será realizada das 8h às 17h nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do Jardim Paraíso, Bom Retiro, São Marcos e Vila Santana.

Pais de crianças com idade entre 1 ano e menores de 5 anos têm um compromisso importante neste sábado (4): levá-las para serem vacinadas contra a poliomielite e o sarampo, mesmo que já tenham tomado a vacina anteriormente.  A Campanha de Vacinação será realizada das 8h às 17h nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do Jardim Paraíso, Bom Retiro, São Marcos e Vila Santana.

A Campanha, que no Estado de São Paulo está começando mais cedo com este primeiro “Dia D” no sábado (4), prosseguirá até 31 de agosto nas 13 UBSs da cidade de segunda a sexta-feira, das 9h às 11h e das 13h às 15h. É importante levar a carteira de vacinação da criança. Um novo “Dia D”, com o objetivo de divulgação e mobilização, será promovido no próximo dia 18 (sábado) nas mesmas UBSs e mesmo horário de funcionamento.

Segundo a diretora da Divisão de Vigilância Epidemiológica, Claudia Maria dos Santos, o objetivo é imunizar 95% da população-alvo, estimada em 5.086 crianças.

“É importante que todas as crianças sejam vacinadas, para evitar a reintrodução de doenças já erradicadas, como o sarampo e a poliomielite. A vacinação é fundamental para a prevenção e salva vidas”, (CLAUDIA mARIA DOS SANTOS).

O último caso de Pólio no Estado de São Paulo foi em 1988 e o de Sarampo foi em 2015. Atualmente, as porcentagens de vacinados contra poliomielite e o sarampo são de 70% e 74,3%, respectivamente, conforme os dados preliminares do Programa Nacional de Imunizações (PNI). Já em Valinhos a cobertura está dentro da meta estabelecida pelo Ministério da Saúde.

Em junho deste ano, o Ministério da Saúde fez um alerta sobre o risco de retorno da poliomielite em ao menos 312 cidades brasileiras, das quais 44 estão no Estado de São Paulo, com base na baixa cobertura vacinal – que não chegou a 50%, quando a meta é 95%.

Vacina

O esquema vacinal para poliomielite é composto por três doses administradas aos 2, 4 e 6 meses, sendo necessários dois reforços aos 15 meses e aos 4 anos de idade. Já a imunização contra o sarampo é feita por meio da vacina tríplice viral, que protege também contra rubéola e caxumba. O esquema vacinal é de uma dose aos 12 meses, com reforço aos 15 meses.

Vacina de Rotina

Paralelamente à Campanha, nos procedimentos de rotina, as 13 Unidades Básicas de Saúde continuarão aplicando a vacina contra o sarampo em adultos que nasceram a partir de 1960 e ainda não tomaram ou estão em dúvida se já tomaram a vacina tríplice viral.

Fonte: PMV

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome