Dos dias 10 a 16 de setembro, Flex Atacarejo, unidades de Valinhos e Vinhedo, espera vender mais de uma tonelada de peixes.

O peixe é um dos principais alimentos em uma dieta balanceada, sendo uma grande fonte de proteína, além de ajudar na prevenção de doenças cardiovasculares e melhorar a memória. Apesar dos benefícios, o consumo desse alimento no Brasil não é tão habitual quando comparado a outros países. Segundo pesquisa da FAO, Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura, o brasileiro consome em média 9,5 kg de peixes por ano, valor menor a média mundial que chega a 20kg por pessoa.

Com o intuito de mudar essa realidade e incentivar o consumo do brasileiro, as principais entidades representativas do setor se juntaram e criaram a Semana do Pescado. O evento é anual, ocorrendo sempre nas primeiras semanas de setembro e tem como missão incentivar a comercialização e o consumo de pescados, sejam eles peixes, moluscos e crustáceos no varejo e food service.

Um dos supermercados que irão participar ativamente da Semana do Pescado é o Flex Atacarejo, rede com unidades em Valinhos e Vinhedo, que tem como expectativa vender mais de duas toneladas de peixes entre os dias 10 e 16 de setembro.

“Com a forte expectativa de vendas para a Semana do Pescado, aumentamos a quantidade de compras dos pescados, e com isso, conseguimos alguns descontos que serão repassados aos consumidores durante esses dias de evento”, afirma Amilcar Pavan, sócio-proprietário da rede.

A Semana do Pescado pode ser uma excelente oportunidade para quem está esperando uma queda nos preços dos peixes que vêm sofrendo consecutivos aumentos devido a alta do dólar. O salmão importado do Chile, por exemplo, teve um aumento de 15% em seu valor.

Apesar da consequente altas nos peixes, o consumo de peixes no Flex vem aumentando nos últimos meses e tendem a crescerem ainda mais em setembro. “Com a pandemia, o consumo de peixes aumentou, principalmente os congelados. Observamos que o consumidor diminuiu a frequência de compras no mercado, mas quando vem, faz compras maiores, para ficar abastecido. As comidas congeladas tiveram um aumento de 25%.” Pondera, Pavan.

Semana do Brasil

Para quem busca descontos em outros setores, durante os dias 3 e 13 de setembro também irá acontecer a Semana do Brasil, evento de compras promovido pelo Governo Federal em parceria com varejistas de todo o Brasil, com o objetivo de reunir lojistas para oferecer descontos e atrair clientes como forma de voltar a aquecer à crise econômica. ” A expectativa é de realizar a venda de uma Black Friday, que representa sempre um aumento de 30% em relação à meses normais.” Conclui, Amilcar.

Fonte: Vira Comunicação

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome