O número total de internados (somando-se UTIs e enfermarias da Santa Casa e Hospital Galileo) se manteve inalterado, com 60 pessoas.

O óbito registrado nesta terça-feira é de um morador do bairro Nova Valinhos: Um homem de 81 anos com histórico de diabetes. Foi internado na UTI da Santa Casa no dia 3 de julho e morreu no dia 9.

A Secretaria da Saúde confirmou nesta terça-feira (14) em Valinhos mais uma morte e 24 novos casos de covid-19. Com isso, a cidade tem agora 47 óbitos e 997 casos positivos da doença.

A taxa geral de ocupação dos leitos de UTI na cidade se manteve em 77%, mas segue em um patamar preocupante. Na Santa Casa, que atende pacientes do SUS, a taxa de ocupação teve uma queda de 97% para 88%. Dos 32 leitos de UTI, para internação de pacientes com quadros mais graves da doença, 28 estão ocupados.

A capacidade de atendimento de pacientes de Valinhos em leitos de UTI foi ampliada com a liberação, pelo Governo do Estado, da estrutura do Hospital de Campanha do Ibirapuera, na Capital, para atendimento de pacientes de casos mais graves de covid-19 da nossa região. A medida foi possível com a diminuição da propagação do coronavírus na capital e o aumento de casos no interior. O hospital de campanha foi inaugurado em 1º de maio no Complexo Esportivo do Ibirapuera. Tem 240 leitos de enfermaria e 28 de UTI.

Curva acelerada

Os números divulgados nesta terça-feira reforçam a tendência de aceleração da curva de casos positivos desde o final de maio em Valinhos, quando eram 174 os casos confirmados. De lá para cá, apenas nos 14 primeiros dias de julho foram 315 casos e 21 mortes.

Com base nos dados, a Vigilância Sanitária mantém o alerta de que a doença atingiu fase crítica na cidade e apela para que a população respeite o isolamento, reduza a circulação pelas ruas e faça sua parte para a contenção da doença. 

Com casos em alta e leitos de hospitais sobrecarregados, o Governo do Estado anunciou nesta sexta-feira que toda a região de Campinas se mantém na fase vermelha do Plano São Paulo. Assim, Valinhos e todos os municípios da região terão que manter fechados os estabelecimentos de comércio e serviços não essenciais nesta semana.

Casos

O óbito registrado nesta terça-feira é de um morador do bairro Nova Valinhos:

– Um homem de 81 anos com histórico de diabetes. Foi internado na UTI da Santa Casa no dia 3 de julho e morreu no dia 9. Morador de Valinhos, bairro Nova Valinhos.

Além idisso, todos os 24 novos casos confirmados de covid-19 desta terça-feira são moradores de Valinhos. No total, dos 997 casos já onfirmados da doença, 659 são de moradores de Valinhos e 338 informaram que residem em outros municípios.

A Secretaria da Saúde contabiliza casos de munícipes e não munícipes confirmados com covid-19 na mesma tabela de dados, já que todos os não munícipes com exames positivos têm alguma ligação com a cidade, como atividades profissionais, parentes próximos e imóveis de veraneio (chácaras utilizadas nos finais de semana, por exemplo) e foram tratados pelo sistema valinhense de saúde (público ou privado). A divulgação dos dados, no entanto, discrimina que são moradores e não moradores.

Os casos suspeitos são 223 no município nesta terça. O número de mortes suspeitas segue sendo 7. Há ainda 457 casos descartados. Os recuperados são 919.

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome