-publicidade-

Empresa responsável diz em comunicado que suspensão do concurso foi decisão unilateral do Valiprev

Em meio a denúncias de irregularidades do concurso público realizado em dezembro de 2017,  através do Decreto 9679, de 05/01/2018  o Prefeito Orestes Previtale (PMDB) instituiu o novo Conselho de Administração e o novo Conselho Fiscal do Valiprev, o Instituto de Previdência Social dos Servidores Municipais de Valinhos.

O Conselho Fiscal da entidade foi responsável pelo pedido de suspensão dos efeitos do concurso após ter recebido uma denúncia de favorecimento nos resultados envolvendo dois classificados em primeiro lugar, membros da família do ex-vereador Juninho Andrade, que seria integrante do PSD, mesmo partido do presidente do Valiprev, Wilson Ventura.

-publicidade-

A nova presidente do Conselho Fiscal, Kerolin End Impassionato Dal Bianco, servidora efetiva da Secretaria de Assuntos Jurídicos e Institucionais, tomou posse nesta terça-feira (9) e informou que a questão do concurso será objeto de análise na primeira reunião do conselho em data ainda não marcada. Os demais membros do Conselho Fiscal são: Joseani Bernardi, Rosimar Bertani, Antônio Fernandes e Evandro Zani.

Indec diz em comunicado que suspensão do concurso foi decisão unilateral do Valiprev

O INDEC – Instituto Nacional de Desenvolvimento Educacional e Capacitação, divulgou em seu site Indec um comunicado datado de 28/12/2017 em que afirma que a suspensão do concurso foi uma decisão unilateral do Valiprev, sem entrar em detalhes, tampouco emitir nenhuma explicação para o ocorrido.

Para entender o caso, leia também:

Valiprev: Wilson Ventura diz que concurso não foi cancelado, mas suspenso

Após denúncia de irregularidades, Valiprev cancela concurso




2 Comentários

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome