(FOTO: TOMÁS ARTHUZZI)

Os vereadores aprovaram, na sessão da terça-feira (18), o projeto de lei das vereadoras Mônica Morandi (PDT) e Dalva Berto (MDB), que proíbe o uso de canudos plásticos em estabelecimentos que vendem bebidas em Valinhos.

O texto diz que em vez dos canudos de plástico, os estabelecimentos deverão fornecer canudos em papel reciclável, material comestível ou biodegradável. Quem desrespeitar a lei estará sujeito à advertência e multa.

De acordo com o projeto, uma quantidade mínima de canudos de plástico articulados deverá estar disponível nos locais, para atendimento das pessoas com deficiência. Se a matéria for sancionada pelo prefeito, o prazo para o comércio se adaptar a lei será de 120 dias.

Na mensagem que acompanha o projeto, as vereadoras alegam que o objetivo é reduzir a quantidade de lixo nos aterros sanitários e proteger animais que se machucam com os canudos descartados irregularmente no meio ambiente. No texto, são citados dados científicos que indicam tempo superior a 100 anos para a decomposição do material.

Fonte: CMV

 

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome