Foi aprovado por unanimidade na sessão desta terça-feira (28) projeto de lei do vereador Henrique Conti (PV) que pretende criar um polo de ecoturismo na Serra dos Cocais. Se for sancionado pelo prefeito Orestes Previtale (PSB), bairros localizados na região seriam considerados áreas de interesse turístico. Segundo o vereador, o objetivo é estimular o desenvolvimento da agroecologia e do turismo sustentável, além de conscientizar a população sobre a necessidade de preservação do meio ambiente.

Henrique Conti explica o objetivo da sua proposta

Na tribuna, Conti afirmou que o projeto trará renda para os moradores e incentivará atividades econômicas voltadas ao turismo. “[A ideia] é incentivar as pessoas que querem fazer um pesqueiro, uma pousada, um restaurante, para que o morador de Valinhos não tenha que ir em um fim de semana passear em Sousas e Joaquim Egídio. Com isso, ele vai valorizar a região de Valinhos, vai valorizar a área da serra dos Cocais, ajudar a população residente a ter mais renda e preservar”, disse.

Alécio Cau afirma que projeto atende desejo da população

 O vereador Alécio Cau (PDT) pontuou que já existem iniciativas na região para fomentar o turismo, principalmente no bairro Alpinas “Algumas pessoas, na sua própria residência, vem tentando a duras penas desenvolver atividades, tentando desenvolver ações para estimular tanto o munícipe valinhense quanto pessoas de  fora do município para conhecerem e deixarem sua contribuição ao nosso município (…) Acredito que esse projeto vem atender a um anseio antigo da população daquela região”, informou.

Giba antecipa que vai incluir proteção da Serra dos Cocais no Plano Diretor 

O vereador Giba (MDB) disse que, juntamente com outros vereadores, vai cobrar para que seja feita a inclusão da APA da Serra dos Cocais no Plano Diretor. “Fico feliz que existem pessoas se organizando para o turismo. Se vier um Plano Diretor que não contemple [a APA], que nós façamos emendas”, discursou.

Franklin ressalta a importância de valorizar o turismo 

O vereador Franklin (PSDB) ressaltou que é importante valorizar o turismo em Valinhos. “Precisamos criar mecanismos para que os proprietários invistam em suas propriedades e abram para o turismo. O turismo é uma união, um serviço, e o dinheiro entra limpo para o município. Tem propriedade rural que tem a agricultura como primeira atividade e o turismo como segunda atividade, que representa 30% do seu faturamento”, afirmou.

 Também discursaram favoravelmente ao projeto os vereadores Aguiar (PSDB), Mauro Penido (PPS) e Edson Secafim (Progressistas).

O projeto segue agora para sanção ou veto do prefeito Orestes Previtale (PSB).

Fonte:CMV

1 Comentário

Deixe um comentário

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome